segunda-feira, 7 de setembro de 2020

Novidades no Chrome: A versão 86 entra no canal Beta

O Chrome Beta 86 lança a API Native File System, torna a alteração das senhas roubadas mais fácil e muitas outras novidades.

fonte: Android Police
O Chrome 85 foi lançado há duas semanas para o ramo estável nas plataformas de desktop e móveis, com muitas mudanças de interface e novos recursos de desenvolvedor. O Chrome 86 agora é promovido ao Canal Beta e concentra-se principalmente em novos recursos para desenvolvedores da web. Vamos começar!

Botão para alterar a senha

A Google adicionou um recurso ao gerenciador de pacotes do Chrome no ano passado que verifica periodicamente se há senhas roubadas/vazadas e, se uma de suas senhas for comprometida, o navegador solicitará que você a altere. A partir do Chrome 86, essas notificações agora terão um botão 'Alterar senha' para levá-lo à página certa com um toque.

fonte: Android Police
Este usa um recurso que a Apple implementou no Safari 12 e no iCloud Keychain no iOS 12, chamado de 'well-known URL for changing passwords' algo como URL conhecida para alteração de senhas. Os sites podem informar ao navegador onde a página da conta para alterar as senhas está localizada, tornando o processo um pouco mais rápido e fácil. Como esse não é um recurso totalmente novo, ele já funciona para Twitter, WordPress.com, Spotify, Postmates e outros sites.

Sistema de arquivos nativo

As páginas da Web nunca foram capazes de acessar diretamente o sistema de arquivos do seu computador (ou smartphone), a menos que houvesse um plugin como Java ou ActiveX envolvido em algum lugar. A API Native File System mudou isso quando apareceu no Chrome 78 como um Origin Trial e agora está sendo amplamente implementada como parte do Chrome 86.

Veja como funciona a API: Uma página da web pode abrir uma caixa de diálogo de seletor de arquivo, assim como você veria ao clicar no botão Upload em qualquer site da web. Um arquivo, um grupo de arquivos ou uma pasta inteira podem ser selecionados (depende da página da web).
fonte: Android Police
Antes de ficar assustado porque os sites agora podem alterar seus arquivos, já existem várias precauções de segurança incorporadas a isso. Os sites só podem ver os arquivos que você selecionar especificamente, eles só podem salvar as alterações nesses arquivos se receberem permissão e um indicador será adicionado à barra de endereço se um site tiver permissões de arquivo (na área de trabalho, pelo menos). Além disso, a permissão só é válida até o site ser fechado.
fonte: Android Police
Já existem alguns ótimos exemplos dessa funcionalidade, como um aplicativo da web que marca água em um arquivo PDF existente, uma recriação do Microsoft Paint e um visualizador para varreduras de tomografia. Vamos aguardar para ver o que os sites farão com a API, agora que está amplamente disponível.

Outras mudanças

Como sempre, esta atualização inclui mudanças para usuários e desenvolvedores. Aqui estão algumas alterações menores incluídas no Chrome 86:


  • O Cache Backward-Forward, que pode acelerar o tempo de carregamento da página e foi adicionado como um sinalizador de recurso no Chrome 79, agora também está disponível como um sinalizador no Android. Você pode testá-lo ativando #back-forward-cache em chrome://flags.
  • A API Cross-Screen Window Placement agora está disponível como um teste original no Chrome para desktop.
  • O novo cabeçalho Document-Policy é ativado em todas as plataformas, que permite que os sites bloqueiem facilmente o fragmento de rolagem para texto, APIs JavaScript lentas e outros recursos.
  • O novo sinalizador #rest-gamepad-access em chrome://flags força a API do Gamepad a funcionar apenas em conexões HTTPS, para evitar impressões digitais e outras questões de segurança.
  • A API WebCodecs agora está disponível como um sinalizador, que "fornece acesso eficiente e de baixo nível a codificadores e decodificadores de mídia integrados (software e hardware)", de acordo com a documentação do Google.
  • A API da área de transferência assíncrona agora oferece suporte para copiar e colar HTML da área de transferência.
  • O codec de vídeo VP9 agora funciona no macOS Big Sur.
Faça o download

O APK é assinado pela Google e atualiza seu aplicativo existente. A assinatura criptográfica garante que o arquivo é seguro para instalação e não foi adulterado de nenhuma forma. Em vez de esperar que a Google envie esse download para seus dispositivos, que pode levar dias, faça o download e instale-o como qualquer outro APK.



fonte: Android Police via Chrome Platform Status, Ricky Mondello (Twitter)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google