Pesquisa personalizada

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Jon, Garfield... (tiras nostálgicas)



Mais tiras nostálgicas! Jon e Garfield, Garfield e Jon! Uma história de amor
sem fim.... As tiras abaixo foram publicadas em 1985, de 27/05/85 a 02/06/85. Divirta-se!




domingo, 28 de maio de 2017

Google lança uma ferramenta de animação que transformam dados entediantes em GIFs legais



A Google acabou de lançar uma ferramenta de animação que transformam os dados em gráficos incríveis no formato ".gif". Conheça o Data Gif Maker!

fonte: The Next Web
Fácil de usar. Basta que o usuário entre com os dados numéricos para transformá-los em animações visuais.

O editor de dados da Google, Simon Rogers, diz que a empresa criou o aplicativo para tornar a vida mais fácil para os jornalistas ao escreverem seus artigos que envolvem números e porcentagens, mas praticamente qualquer um pode se beneficiar com a utilização da ferramenta.

Embora a equipe do Google diga que normalmente recorre ao GIF Maker para visualizar interesses de pesquisa concorrentes, Rogers explica que a ferramenta deixa oportunidades para aplicações muito mais abrangentes, tais como, incluir a representação de "números de votação, números de vendas, classificações de filmes" e assim por diante.

Eis a animação que fiz relacionando meus blogs com os anos em atividade:

Legal, não?

Usar o Data GIF Maker é bastante simples:

- Entre com os seus dados em cada termo
- Escolha os nomes dos termos de comparação em questão
- Selecione as cores para cada entrada de dados
- Adicione um texto explicativo
- Clique em "Launch Comparisons" para visualizar a animação
- Clique em "Download as GIF" para gerar as imagens

Uma coisa que o Google, infelizmente, negligenciou é a capacidade de selecionar como os dados exibidos foram mudando ao longo do tempo, o que significa que você terá que adicionar essas informações adicionais em separado, por exemplo, por meio de legendas.

Quer brincar? Visite o Data GIF Maker e converter suas estatísticas em belas ilustrações animadas. Um detalhe, seja paciente, a ferramenta demora um pouco para gerar as imagens após clicar em "Launch Comparisons" e "Download as a GIF", especialmente em alta resolução. Lembre-se, ela foi recentemente lançada e pode ter alguns bugs. Eu gostei!

Fonte: The Next Web via The Keyword




sábado, 27 de maio de 2017

Crazy links #406 - Homem Aranha





E para vocês, posto 10 crazy links interessantes desta semana!!! Confiram:




sexta-feira, 26 de maio de 2017

Piadas de ingenuidade



Ingenuidade... Um certo político tucano pego no flagra alegou que foi ingênuo ao negociar dois milhões em propina... E nós somos todos idiotas! Curtam abaixo as piadas de ingenuidade...




quinta-feira, 25 de maio de 2017

O Twitter agora vai apostar no streaming de vídeos



O Twitter agora vai entrar na onda do streaming. A plataforma anunciou que vai transmitir notícias, esportes, concertos e desfiles de moda, ou seja, é a aposta da rede social para arrecadar dinheiro.

fonte: The Next Web
Na semana passada, o Twitter revelou seus planos para aumentar os vídeos lançando canais de streaming 24 horas por dia, 7 dia por semana em sua plataforma e, posteriormente, anunciou que estava se unindo à Bloomberg para entregar notícias financeiras o dia inteiro. E agora, de uma hora pra outra, possui mais de uma dúzia de parceiros a bordo para a transmissão de vídeos direto na rede social.

Os novos negócios verão uma programação diária e semanal de nomes como BuzzFeed News, The Verge e Cheddar, bem como jogos da WNBA e da MLB. Você também será capaz de sintonizar shows de Live Nation, desfiles de moda e conteúdo por trás das cenas da IMG, cerimônias de premiação da MTV e muito mais. Há ainda dois novos shows exclusivos de esportes sendo desenvolvidos exclusivamente para o Twitter.

fonte: The Next Web
Com isso, o Twitter espera arrecadar grandes dólares de anúncios de uma forma que não conseguiu realmente com as suas outras ofertas de campanhas promocionais para as empresas. Vai ser interessante ver se a aposta da empresa  na idéia de que as pessoas vão ficar colados à sua plataforma alem de fazer tweets será compensada nos próximos meses.

Se chegar no Brasil, quero ver quais as parcerias que serão feitas. Tomara que não seja com nenhum canal religioso, já basta o que existe tanto na TV aberta quanto na fechada.

Fonte: The Next Web




quarta-feira, 24 de maio de 2017

Novidade: Duas novas tags no código das imagens no Blogger



Ao subir as imagens para o meu blog Dorgas on Fire! percebi que foram incluídas duas novas tags nos códigos das mesmas, conforme figura abaixo:

Novas tags de imagens
Elas são: data-original-height="750" e data-original-width="750". Elas representam tanto a altura (height) quanto o comprimento (width) original da imagem que foi subida. Note que as minhas alterações (que faço sempre) de colocar dimensões 500 x 500 nas imagens do Dorgas não foram alteradas.

Estamos aguardando a razão dessas duas novas tags no código.

Lembrem-se, novidades no Blogger sempre por aqui.




A Google começa a vender o Jamboard, uma tela digital 4K sensível ao toque



A Google está agora vendendo o seu quadro digital 4K, o Jamboard, pela bagatela de 5000 dólares, mais os seus acessórios e uma conta G-Suite em separado. Eu me apaixonei pelo quadro, mas caríssimo demais para os nossos padrões.

fonte: The Next Web

À primeira vista, ele parece um quadro branco, age como um tablet e vem com algumas outras ferramentas de colaboração. Ele permite que várias pessoas trabalhem juntas no G Suite (pacote empresarial do Gmail, Documentos, Drive e Agenda.) com uma localização central, até mesmo funcionários remotos. A tela sensível ao toque foi projetada para um grupo de pessoas trabalhando corporativamente.



Além do quadro, você pode comprar um carrinho móvel, que é vendido em separado. O Jamboard está disponível em três cores: azul cobalto, vermelho carmine e cinza grafite, e vem com duas canetas stylus e uma borracha. Se quiser comprar o quadro digital com o carrinho, o preço chega a $6198 ou mais de 16 mil reais e é claro uma conta mensal do G Suite.

Algumas especificações do Jamboard:

  • Tela sensível ao toque de 55"
  • Processador NVIDIA Jetson TX1
  • Conectividade WiFi 802.11ac, NFC com suporte ao Google Cast 
  • Conexão: uma HDMI 2.0, uma porta USB Tipo C, duas conexões USB 3.0 e um conector Gigabit Ethernet.
  • Veja mais aqui.

Imagine um professor trabalhando com um dispositivo desse... Alguém arrisca a me dar um de presente?

Fonte: The Next Web e G Suite




terça-feira, 23 de maio de 2017

Sabiam que a Amazon está dando bananas de graça?



A Amazon está dando de graça cerca de 1,7 milhões de bananas em suas estandes montadas na sua sede em Seattle. O problema é que está destruindo o comércio local...

Joy of Tech Amazon goes bananas!
A Amazon abriu pela primeira vez o Community Banana Stand ou Estande Comunitária de Bananas em 2015, e agora há duas em seu campus corporativo. Desde então, vem sendo dado aproximadamente 1.7 milhão de bananas em dois carrinhos separados tanto para os empregados e os não-empregados igualmente. Os funcionários que dirigem as bancas são chamados de "banistas" e "bananagers".

fonte: The Next Web
Como o Wall Street Journal noticiou, os estandes parecem significar problemas para as empresas locais na esperança de vender qualquer coisa relacionada com a banana, por que alguém iria comprá-las se a Amazon as dá de graça? Dito isto, a Amazon escolheu os lanches pelo fato de serem ec0-amigáveis e saudáveis. Afinal de contas, as Bananas vêm com sua própria embalagem biodegradável...

Agora me deu vontade de comer bananas...

fonte: The Next Web





O Instagram eliminou a integração com o Swarm e o Flicker



O Instagram eliminou a integração com o Swarm e o Flickr e parece que ninguém notou. Bem, o Foursquare Swarm perdeu o impacto há muito tempo, já o Flicker... Alguém ainda usa esse serviço de fotos do Yahoo! ?

fonte: The Next Web
Se você tentou compartilhar as suas postagens do Instagram com outras contas de mídia social nesses últimos dias, você pode ter notado que as opções de compartilhamento disponíveis foram reduzidas. Só existem opções para Facebook, Twitter e Tumblr, e nada mais. As opções Swarm e Flickr simplesmente desapareceram.

Para quem veio de outro planeta e não conhece, o Foursquare Swarm, o aplicativo de check-in que permite que você ganhe pontos cada vez que fizer o check-in em algum local e o Flickr, o serviço de fotos do Yahoo! foram removidos da lista de ações na semana passada sem muito alarde.

O Swarm confirmou no Twitter que a integração tinha sido removida:
Já um membro da equipe do Flickr abordou a situação nos fóruns do serviço, citando esta remoção pendente por causa da recusa do Instagram ao corrigir um bug de longa data. O Flickr fez um tweet mostrando uma solução alternativa do IFTTT para compartilhar posts do Instagram para o serviço de fotos. Aparentemente o IFTTT tomou conhecimento da situação:
A minha opinião é que o Instagram já tem um serviço de localização que é do próprio Facebook e também armazena imagens em seus servidores, logo creio que estão se livrando da concorrência. O Foursquare está às mínguas e o Flicker bem como o Yahoo! esão dando seus últimos suspiros...


fonte: The Next Web




segunda-feira, 22 de maio de 2017

Simplesmente Irma (tiras nostálgicas)



Mais tiras nostálgicas! A lanchonete da Irma é o local preferido do Jon e do Garfield, mas a proprietária.... As tiras abaixo foram publicadas em 1985, de 20/05/85 a 26/05/85. Divirta-se!




domingo, 21 de maio de 2017

8 novos recursos que faz o Google Assistant ser muito mais poderoso



O Google Assistant foi realmente a grande estrela da conferência I/O da Google pelo segundo ano consecutivo. Agora que a tecnologia está disponível há mais de um ano, a empresa está adicionando vários recursos que irão expandir o alcance da IA na busca do Google para dominar o seu lar.

fonte: The Next Web
Em outras palavras, você estará conversando muito com o seu dispositivo nesses próximos anos.

1 - Respostas visuais com o Chromecast

Além de obter respostas de voz com o Google Home ou com o seu smartphone, que tal ter também um auxílio visual? A Google está aproveitando o Chromecast justamente para fazer isso.

fonte: The Next Web

Você pode agora perguntar ao Assistant algo como "Como está o clima" ou "O que está no meu calendário", e ele vai exibir as respostas na sua TV. Assim, essas informações exibidas na tela fará com que o Assistant forneça um pouco mais de informações e contexto, como previsões ampliadas ou compromissos futuros de relance. E quem tiver o Google Home, que é compatível com o Google Cast, isso também deve ser fácil de configurar.

2 - Suportes de terceiros para concorrer com o Alexa

A maior fraqueza do Google Home contra o Echo da Amazon (ou o Assistant vs Alexa), sempre foi a falta de suporte de terceiros. O SDK da Alexa permitiu que os desenvolvedores integrassem o assistente da Amazon em uma variedade de hardware. Em seguida, o Google anunciou o Assistant está recebendo seu próprio SDK, e assim o campo de jogo tornou-se muito mais competitivo.

Deeplocal construiu um misturador de bebidas com o SDK, fonte: The Next Web
Os aplicativos agora podem integrar o Assistant em suas próprias experiências e o hardware pode alavancar a inteligência do Assistant para controles não manuais e uma integração mais próxima com o smartphone e os serviços da Google. Assim espera-se que mais dispositivos e aplicativos apareçam com suporte ao Assistant num futuro próximo.

3 - Você pode fazer chamadas telefônicas com o Google Home

O Google Home poderá fazer chamadas telefônicas diretas para sua lista de contatos, sem necessidade do smartphone ou aplicativo especial. Recurso interessante quando as suas mãos estão ocupadas e você precisa fazer um telefonema rápido. Esse recurso estará sendo lançado nos próximos meses para os EUA e Canadá.

4 - Ele vai ajudar antes mesmo de pedir

Um assistente humano não vai apenas te lembrar das reuniões e compromissos só quando você faz uma pergunta. Ele vai te avisar quando algo vai acontecer antes do tempo. O Google Home logo vai ter essa capacidade por meio de notificações Proactive. Mas não se preocupe, o Assistant não vai te alertar com voz alta sobre um evento próximo no meio da noite. A unidade será acesa para que você saiba que ela tem algo a dizer, mas você tem que manualmente fazê-la ler a notificação.

5 - Google Lens traz a  IA para a câmera

Google Lens foi indiscutivelmente o anúncio mais legal na conferência I/O, uma exibição impressionante de quão longe a visão da inteligência artificial da Google veio a chegar nos últimos anos. Você pode, por exemplo, apontar sua câmera para uma flor para descobrir seu nome. Você pode apontá-la para um cartaz de um show musical para reservar os ingressos. Você pode usá-lo para traduzir idiomas estrangeiros. Você pode apontar para um nome de restaurante para obter informações sobre o menu.

fonte: The Next Web

A partir da foto que você tira, a Google pode reconhecer o que está nela e então pode executar praticamente qualquer uma das ações que você poderia fazer com uma pesquisa de texto. Com isso, as coisas vão ficar muitos difíceis para os fabricantes que quiserem implementar seus próprios assistentes. O Bixby da Samsung vai ficar pra trás em relação ao Assistant.

6 - Está no iOS

Tinha surgido apenas como um boato, que se tornou realidade. O Assistant chegou ao iOS nesta semana, fornecendo a primeira competição real com a Siri. O Assistant reside em seu próprio aplicativo e você pode acessá-lo a partir de um widget de atalho no seu centro de notificações.

fonte: The Next Web
Apesar de não ativá-lo com um simples "Okay Google" ou um atalho de hardware, os aplicativos do Google estão onipresentes o suficiente para que a empresa pode fazer uma concorrência séria na oferta de voz da própria Apple.

7 - Está chegando a mais locais

O Assistant chegará na Austrália, Canadá, França, Alemanha e Japão, e estará adicionando o português brasileiro, francês, alemão, japonês, italiano, coreano e espanhol ao longo do ano .

8 - Você pode agora digitar suas perguntas

Às vezes você quer usar um assistente de IA, mas simplesmente não quer ou não pode falar alto. Talvez esteja em um quarto quieto, ou precise perguntar sobre algo que não sabe pronunciar. Bem, você agora pode simplesmente digitar suas perguntas para o Assistante e obter todas as mesmas respostas.

E isso é só o começo. Essa conferência da Google deixou muito bem claro que a empresa vê o Assistant como um futuro motor de busca, já que é a maneira mais natural de fazer as consultas e realizar as tarefas que já fazemos diariamente. ]

Com o tempo, veremos que mais dispositivos e aplicativos suportando o Assistant enquanto o Google se move para torná-lo um dos seus principais meios de obter informações a partir da pesquisa da empresa.

fonte: The Next Web




sábado, 20 de maio de 2017

Crazy Links #405 - STAR TREK DISCOVERY





E para vocês, posto 10 crazy links interessantes desta semana!!! Confiram:




sexta-feira, 19 de maio de 2017

Piadas de depoimentos



Semana passada, o depoimento de Lula em Curitiba foi uma palhaçada. E o Lula como sempre foi um mito! Cadê as provas? Enquanto o Moro não as arranja, curtam abaixo piadas com o tema depoimento!




quinta-feira, 18 de maio de 2017

Novidades da Google na sua conferência I/O parte 2



Prometi a segunda parte das novidades da Google na sua conferência I/O realizada ontem. Além de recursos em inteligência artificial um novo dispositivo e um SO mais leve.

Foto: Justin Sullivan/Getty Images)

O Android Device Manager chama-se agora Find My Device

fonte: The next Web
O Android Device Manager ou Gerenciador de dispositivos Android é um serviço da Google que permite que você localize, bloqueie ou limpe um dispositivo perdido mudou de nome. A Google o renomeou para Find My Device ou Localizar Meu Dispositivo.

E junto com a mudança de nome, a Google adicionou informações sobre a bateria, o que deve ajudá-lo a saber quanto tempo você tem para localizar seu dispositivo antes de morrer, bem como o nome de qualquer rede WiFi a qual está conectado.

fonte: The Next Web

Daydream, os novos fones de ouvido da Google

A Google anunciou que está trabalhando em um novo tipo de fone de ouvido chamado Daydream VR, que funcionaria sem telefone, PC ou qualquer tipo de cabo.



Esse novo fone de ouvido Daydream seria uma máquina auto-suficiente que pode ser usado apenas ao pegá-lo e colocá-lo. Esta versão do Daydream seria otimizada para a visualização de VR, incluindo melhor acompanhamento de movimento. A HTC,Vive e Lenovo seriam as empresas parceiras para desenvolver esse dispositivo. Além deste novo Daydream, o atual smartphone Daydream VR será suportado no Samsung Galaxy 8 e 8+, bem como o mais novo telefone LG a partir deste verão.

Fonte: The Next Web

A Google apresenta Lens, um IA em sua câmera que pode reconhecer objetos


Adicionar legenda

O Google anunciou que está trabalhando em uma nova forma de IA chamada Google Lens, que compreende no que você está olhando e pode te ajudar, fornecendo respostas relevantes.



Com o Lens, o Assistente do Google poderá identificar objetos no mundo ao seu redor e realizar ações com base nos vários aplicativos do Google. Por exemplo, a Lens pode ajudá-lo a identificar uma flor que você está procurando usando a Pesquisa de imagens do Google ou fornecer recomendações de restaurantes com base na sua localização no Google Maps.

O serviço parece muito ambicioso e versátil. Scott Huffman, Vice-Presidente de Engenharia para o Assistant, mencionou o uso da Lens para traduzir um sinal de rua japonês e usá-lo para identificar um alimento que ele não reconheceu. Huffman disse que a lente facilita uma conversa entre o usuário e o assistant usando o contexto visual e a aprendizagem da máquina. Alguns dos recursos são ainda mais complexos e úteis. Se você quiser se conectar a WiFi em seu telefone, você pode apenas apontar sua câmera para as credenciais de segurança, e o Assistant fará o resto do trabalho.


Android Go, a nova versão simplificada do sistema operacional da Google

A Google quer que os dispositivos de baixa potência rode o Android suavemente, anunciou o lançamento de uma nova versão do seu SO, chamada de Android Go, que é a nova versão simplificada do sistema operacional do Google para dispositivos menos potentes.

fonte: The Next Web
Basicamente é uma versão mais leve do Android O, com várias otimizações para dispositivos de menor potência. Alguns exemplos de otimizações que foram lançadas durante a conferência:

- Os aplicativos principais do Google terão versões mais leves que usam menos memória, armazenamento e dados.
- Um kernel Android simplificado.
- A  proteção de dados do Google Chrome está ativada por padrão. Há também um novo gráfico mostrando quantos dados você salvou diretamente do botão de menu.
- O Google Play Store destacará aplicativos leves e "otimizados para o seu dispositivo", como estar com menos de 10MB, ter um "estado off-line" e ter economia com a sua bateria. Você ainda pode baixar o que quiser.
- Um novo aplicativo,, o YouTube Go, que facilita o download de vídeos para visualização offline, assim como uma visualização da quantidade de dados que as configurações de qualidade diferentes irão usar. O bit mais nítido é um recurso de compartilhamento P2P para que você não precise usar nenhum de seus dados se quiser mostrar a um amigo um vídeo engraçado.

A Google diz que o Android Go será instalado por padrão em todos os dispositivos com 1 GB de RAM ou menos. Dado que o Android é o sistema operacional mais popular do mundo, e que nem todos em todas as regiões podem pagar um dispositivo com especificações topo de linha, é uma mudança que faz muito sentido. O Google tem procurado trazer o Android para os mercados emergentes através de programas como o Android One, mas eles ainda sofrem com o inchaço do Android.

Ao simplificar o sistema operacional e certificar-se de que os usuários estão apenas instalando aplicativos otimizados, o Google tem uma chance melhor de fornecer uma experiência de usuário agradável em dispositivos com especificações baixas. É exatamente o que a Microsoft está tentando fazer com o Windows 10 S, exceto sem as limitações de instalação.

Cada versão nova do Android terá uma variação Go, por isso espera ouvir muito mais sobre ele nos meses e anos vindouros. Não se sabe se existem outras restrições para o Go em comparação com a versão padrão do Android, ou se pode instalá-lo manualmente. Muitos usuários, com certeza vão querer experimentar.





Novidades da Google na sua conferência I/O



Uma quarta-feira cheia de novidades da Google na sua conferência I/O. Nesta postagem apresento um resumo de quatro novidades e tem mais. Quem sabe sai uma segunda parte...

Foto: Justin Sullivan/Getty Images)

Google traz o Assistant para o iOS para competir com a Siri

fonte: The Next Web
A Google anunciou que o Google Assistant está disponível para o iOS.

A Google não especificou se é através de um novo aplicativo ou se está apenas integrado no aplicativo de pesquisa principal - provavelmente o último. E, claro, o Google não tem uma integração nativa como a Siri tem nos dispositivos iOS, por isso não será tão conveniente como a ferramenta nativa da Apple.

Ainda assim, os aplicativos da empresa não estão onipresentes o suficiente para convencer algumas pessoas a usar o Assistant ao invés da Siri, especialmente se o Google começar a integrá-lo diretamente em seus aplicativos. Como será que a Apple irá responder?

Fonte: The Next Web

A Google anuncia o Smart Reply no Gmail

A Google anunciou um novo recurso no Gmail, o Smart Reply, uma ferramenta que cria respostas automáticas baseadas no conteúdo do email e no seu estilo de escrita. A ferramenta aprende de acordo com o que você escreve, seja um "obrigado" ou um simples "valeu!"

fonte The Next Web
O Smart Reply mostra três opções abaixo dos seus emails para que você possa escolher um deles. Assim que você escolhe, pode enviar imediatamente ou modificar ao seu gosto. O recurso está sendo lançado globalmente no Android e no iOS, iinfelizmente em inglês primeiro. Chegará em espanhol nas próximas semanas e as outras línguas estão a caminho.

fonte: The Next Web

Photo Books, para o Google fotos vir para o mundo real

O Google Fotos está chegando ao mundo real. A Google anunciou um novo recurso chamado de Photo Books (Livros de Fotos?), que permite imprimir álbuns de fotos físicas direto do aplicativo Fotos.

fonte: The Next Web
Esse recurso usa a inteligência artificial. Ao invés de simplesmente deixar você pegar e escolher as imagens (o que você ainda pode fazer), o Photo Books é capaz de criar automaticamente álbuns de fotos com base em suas melhores imagens. Afinal, um dos maiores obstáculos para a impressão de imagens é o trabalho braçal de curar e formatar adequadamente as imagens.

fonte: The next Web
Atualmente, você pode escolher apenas duas opções: um livro de capa macia de 7 polegadas quadradas com 20 páginas por US$10 ou uma capa quadrada de 9 polegadas por US$20.

fonte: The next Web

Compartilhamento de imagens mais fácil no Google Fotos

A Google anunciou que está tornando as fotos mais sociais com compartilhamento sugerido e bibliotecas compartilhadas.

fonte: The Next Web
O Compartilhamento sugerido solicitará que você compartilhe fotos com base nas pessoas nelas contidas. As fotos terão uma nova guia Sharing ou Compartilhamento que enviará notificações solicitando que os usuários compartilhem fotos. Anil Sabharwal, vice-presidente de Fotos, também mostrou como os usuários que recebem as fotos compartilhadas também serão convidados a compartilhar fotos relacionadas com os seus próprios com base em rostos compartilhados ou localização.



Além disso, o Google Fotos terá as bibliotecas compartilhadas, o que significa que fotos de dois telefones diferentes podem ser salvas automaticamente em um pool de fotos comuns. Com uma biblioteca compartilhada, você pode compartilhar fotos de coisas específicas ou pessoas com outra pessoa. Sabharwal demonstrou mostrando como as fotos com suas filhas são automaticamente compartilhadas com sua esposa, enquanto uma foto com o público da I/O não era.

fonte: The Next Web





quarta-feira, 17 de maio de 2017

4 razões pelas quais você deve criar conteúdos longos em seu blog



Este artigo vai contra tudo que se tem dito atualmente sobre o tamanho de um texto. Dizem que uma postagem muito longa é cansativa para o leitor de hoje e que ele desiste de ler assim que vê o tamanho do texto.

fonte: The Next Web
Bem, de acordo com este artigo, se você quiser receber um tráfego orgânico em seu blog, é necessário que você crie conteúdos longos porque essa é uma das técnicas comprovadas para aumentar o tráfego orgânico, compartilhamentos em redes sociais, e o engajamento do leitor. Conteúdos longos (long-form content) são aqueles que contém mais de 1200 palavras!

No entanto, a contagem média de palavras para conteúdos longos aumentou de três mil para 10 mil palavras. Sim, isso é muito conteúdo. E é o que funciona, duas postagens com mais de três mil palavras cada já começa a dar um resultado sério. Os benefícios comprovados da criação de conteúdos longos em seu blog são os seguintes:

1 - O ranking do blog fica excepcionalmente bem!

A Google declarou claramente em seu blog que ele ajuda seus usuários a encontrar artigos em profundidade e você não pode ignorar isso. De acordo com um estudo do HubSpot em 2015, artigos com uma contagem de palavras entre 2250 e 2500 recebem mais tráfego orgânico.

fonte: The Next Web
Gráfico da Contagem de Palavras vs Tráfego Orgânico Médio,
quanto maior o número de palavras em uma postagem, maior as visitas.

E as coisas não mudaram muito. Não apenas esse conteúdo longo ajudam numa classificação alta nos resultados de mecanismos de pesquisa, como também ajuda a impulsionar o tráfego mais orgânico do que os seus concorrentes. E mesmo que não adquira backlinks para o seu artigo longo, a classificação vem naturalmente em uma competição menor de palavras-chaves.

2 - Ganha mais backlinks

O mesmo estudo do HubSpot revelou também que postagens com mais de 2500 palavras ganham naturalmente a maioria dos backlinks conforme gráfico abaixo:

fonte: The Next Web 
Gráfico da Contagem de Palavras vs Domínios Vinculados Médios,
quanto maior o número de palavras em uma postagem maior o número de backlinks!

Já um outro estudo, feito pelo Moz, mostrou resultados semelhantes. Artigos com mais palavras adquirem mais backlinks:

fonte: The Next Web
Mesma relação entre a Contagem de Palavras e os Links!
Sim, você não tem que fazer muito em termos de aquisição dos backlinks. Isto é porque se seus artigos entregam o valor excepcional e o seu conteúdo é melhor do que qualquer outro que há por aí e os usuários farão o link..

O blogueiro Brian Dean usou um artigo longo para gerar diversos backlinks em sua postagem que dobrou o tráfego do seu blog em 14 dias. Os domínios referentes que ligam à postagem do blog aumentaram em duas semanas:

fonte: The Next Web
Aumento dos backlinks
A idéia é chegar a influenciadores e outros blogueiros que escrevem sobre temas semelhantes e mostrar-lhes o seu artigo longo. Diga-lhes por que seu artigo é melhor. Se for valioso, eles vão fazer o link sem você tenha que pedir para eles.

3 - Vai ser compartilhado

Artigos longos são amados pelos leitores e assim eles compartilham mais do que conteúdo curtos. O BuzzSumo analisou 100 milhões de artigos e descobriu que o conteúdo longo obtém mais compartilhamento nas redes sociais em comparação com a sua contraparte.

fonte: The Next Web
Média de compartilhamento pelo tamanho do conteúdo,
quanto maior o número de palavras, maior o número de compartilhamentos!

De acordo com Quick Sprout, postagens com mais de 1500 palavras recebem 68% mais"tweets" e 22% mais "likes" do Facebook.

Uma postagem do blogueiro Josue Valles tem mais de 4000 compartilhamentos. Adivinha quantas palavras o artigo tem? Ele tem cerca de 10000 palavras.

Se você está criando conteúdo que é o melhor na indústria, os leitores irão compartilhar. Você só tem que impressioná-los e a coisa prossegue naturalmente.

4 - Aumenta o envolvimento do usuário

Publicações longas e detalhadas do blog têm a habilidade incrível de manter seus leitores engajados ou envolvidos. Eles passam o tempo lendo artigos levando a um aumento no tempo médio gasto no site.

De acordo com um estudo da Pew, artigos com a contagem de palavras mais elevada aumentam o engajamento do usuário em celulares. O estudo descobriu que o tempo médio contratado para artigos aumenta à medida que a contagem de palavras aumenta. Os artigos com 1000 a 4999 palavras tiveram um tempo médio envolvido de 116 segundos, enquanto os artigos com 5000 ou mais palavras tiveram uma média de 270 segundos.

Ou seja, continue adicionando palavras se você pretende aumentar o envolvimento do usuário. E não é nenhuma surpresa. Se o conteúdo é bem escrito e detalhado, o público vai continuar lendo. Isto é o que os mantém viciados e engajados.

Conclusão

O conteúdo longo nunca irá te decepcionará em termos de classificação, tráfego orgânico, aquisição de backlinks, participação do usuário e ações sociais. Você apenas tem que dar o seu melhor.

A idéia não é "encher lingüiça" apenas para obter o número de palavras. Você não pode escrever 1500 palavras em cada tópico. E sim, manter natural e interessante. Não tente alcançar essa marca de 1200 palavras ou 1500 palavras. Não é assim que vai funcionar.

Escreva naturalmente. Faça sua lição de casa. Se você tem bastante material, use e abuse dele. Se não tem material suficiente, mude de assunto ou escreva uma postagem curta. Não force!

fonte: The Next Web

Minhas considerações finais

O texto foi escrito para uma realidade não condizente com a nossa. Infelizmente no Brasil, o hábito da leitura é baixo pois para uma maioria ler dói aos olhos. Aqui, quanto maior o texto, menos tempo o leitor fica e a taxa de rejeição aumenta. Mas eu continuo nessa saga inglória da escrita, errando ou acertando, pois é algo que gosto e tenho prazer de fazer. 😉




terça-feira, 16 de maio de 2017

Internet, ramsonware, correções e... Windows Update!



Desde sexta passada a internet no mundo inteiro foi vítima de um ataque hacker que se propagou da Europa para o resto do mundo. Os efeitos ainda estão sendo sentidos e desde então, aprendemos o quanto era errado o que fazíamos. Navegar na internet virou um lugar perigoso...

Joy of Tech - Revenge of the Medical Machines!

Desde sexta passada, a internet sofreu um ataque de um vírus ramsonware, o Wannacry, que começou na Inglaterra e na Espanha, e que se propagou pelo resto mundo, atacando principalmente agências governamentais e hospitais. Esse vírus se aproveita, como sempre, de uma invulnerabilidade do Windows. Ele "seqüestra" os arquivos do computador e o hacker pede uma determinada grana, geralmente em bitcoins para que o usuário possa voltar ao controle.

Nenhum sistema operacional é livre de falhas (ouviram macfags?) e o Windows sempre oferece correções quando elas são descobertas ou violadas. É para isso que serve o Windows Updade, um programa irritante que fica te notificando que há atualizações e que come uma memória terrível da máquina, tornando-a lenta. Por essas e outras, nós acabamos deligando esse recurso (eu mesmo faço isso) e não percebemos o erro e o perigo a que estamos sujeitos. Apesar de necessários, essas atualizações às vezes, podem entrar em conflito com outros programas, como o que aconteceu em 2013, com um plugin de internet banking que causou a famosa tela azul da morte.

A Microsoft já tinha lançado uma correção dessa falha em 14 de março para todas as versões do Windows(até aquelas sem suporte), mas você sabia? Claro que não e nem mesmo os  profissionais de TI das grandes empresas. Acredito que só tomamos ciência dessa informação após o ataque da sexta-feira que abalou toda a internet. (E o idiota aqui correu para ativar o Update e baixar as atualizações! Quem tem, tem medo!)

Quem quiser apenas baixar essa correção, pode fazer clicando aqui e procurar pela versão do seu Windows. Lembre-se de verificar se o seu Windows é 32 ou 64 bits (clique com o lado direito do mouse em "meu computador"). O ataque foi tão grave que a Microsoft resolveu liberar essa correção até para versões do Windows  que não tem mais suporte.

Portanto, manter seu sistema operacional atualizado bem como seu antivírus é necessário. Além disso, mantenha backup de seus arquivos importantes seja em hds externos ou num serviço em nuvem. Não clique em links que apareçam em seus emails, mesmo que seja de amigos, verifique-os antes (mouse em cima do link, aparece no canto esquerdo inferior da tela o endereço, se a terminação for .exe .cmd, .vbs, .bat, .scr, ou .ws, passe bem longe!).

E não se preocupem, ataques como este vão se tornar lugar comum na internet. Isso não é lindo?





segunda-feira, 15 de maio de 2017

O MP3 está oficialmente morto (ATUALIZADO)



Se você cresceu nos anos 90 e no início dos anos 2000, provavelmente ainda se lembra de baixar arquivos MP3 para construir sua coleção de músicas e gravar até 10 vezes mais discos em discos de áudio do que você poderia fazer com faixas de CD tradicionais.

fonte: The next Web

Eu mesmo tenho um HD externo de 500GB lotado de álbuns das minhas bandas preferidas, baixadas a partir do Napster, Kazaa, Soulseek desde 2000 e até mesmo fazendo uma busca no Google usando palavras chaves como ensinei neste artigo de 2008. Mas tudo chega a um fim...

O Fraunhofer Institute for Integrated Circuits (Instituto Fraunhofer de Circuitos Integrados), a agência alemã que inventou o formato de áudio e licenciou algumas patentes para ele, anunciou oficialmente o fim do seu programa de licenciamento.

Em um comunicado, o instituto alemão observou que embora o MP3 ainda seja popular entre alguns consumidores, os formatos mais recentes como AAC "podem oferecer mais recursos e uma qualidade de áudio mais alta em taxas de bits muito menores." E não está errado, esses novos formatos são realmente melhores para o streaming pois transportam muito mais informações do que o MP3.

Mas isso não significa que MP3s armazenados no seu disco rígido vão parar de funcionar, só não espere ver novos dispositivos dando suporte para o formato daqui em diante. Os players virtuais de música instalados em seus dispositivos ainda vão continuar a reproduzir esse formato que moldou uma geração.

Adeus, querido MP3, e obrigado pelas memórias que continuam armazenadas em meu HD.

fonte: The Next Web

ATUALIZAÇÃO 16/05

Na verdade o formato não morreu. O Fraunhofer Institute apenas encerrou o programa de licenciamento. As empresas que produziam players para o formato tinha que pagar royalties para os donos das licenças. Como as patentes se encerram agora em 2017, qualquer empresa agora pode produzir dispositivos com suporte ao mp3 sem pagar os royalties.




Eles se amam... (tiras nostálgicas)



Mais tiras nostálgicas! Jon e Garfield, uma relação de amor e ódio ao mesmo tempo. Os dois são cínicos um com o outro! As tiras abaixo foram publicadas em 1985, de 13/05/85 a 19/05/85. Divirta-se!




domingo, 14 de maio de 2017

O Twitter não quer que Trump pare de fazer tweets



Em uma declaração num programa de TV, o CEO do Twitter, Jack Dorsey, disse em alto e  bom tom: Trump, nunca pare de fazer tweets!

fonte: The Next Web
Os usuários do Twitter reclamam muito da presença do Presidente Trump na plataforma. E com razão, todos nós ficamos furiosos  quando o presidente americano ataca pessoalmente os cidadãos, e ataca também a imprensa e seus adversários. Mas para Jack Dorsey, é importante que Donald Trump continue fazendo seus tweets.

Numa entrevista que vai ao ar hoje no programa Today, da NBC,  Dorsey disse:

"Eu acredito que é realmente importante ouvir diretamente das nossas lideranças. E acredito que é realmente importante responsabilizá-las. E eu acredito que é realmente importante ter essas conversas em aberto, em vez de tê-las a portas fechadas. Então se nós todos, de repente, estamos removendo essas plataformas, para onde isso vai? O que acontece? Vai para o escuro. E eu não acho que isso seja bom para ninguém."

Concluir que os tweets de Trump são coisas boas é uma tarefa difícil, (se bem que, infelizmente tem muita gente que pensa como ele)  pois o Twitter permite que ele espalhe seus pensamentos de ódio, preconceito e violência em apenas 140 caracteres, em tempo real e sem filtros pra o mundo real. Se você já quis saber o que o presidente dos EUA estava pensando, você nunca teve um canal melhor para sintonizar do que esse.

Coisa semelhante quase que acontece no Brasil, não por parte de um político que mama nas tetas do governo há mais de 25 anos (???), mas sim por parte de seus apoiadores que o chamam de mito e parecem ter parafusos a menos em suas cabeças. O trump brasileiro não tem capacidade de se expressar em 140 caracteres... Ainda bem!

Fonte: The Next Web




sábado, 13 de maio de 2017

Crazy Links #404 - Mulher Maravilha





E para vocês, posto 10 crazy links interessantes desta semana!!! Confiram:




sexta-feira, 12 de maio de 2017

Piadas de mãe 2ª parte



O próximo domingo é o dia das Mães. Muitas saudades da minha que já foi há muito tempo... Sem mais  delongas, divirtam-se com mais piadas de mães!




quinta-feira, 11 de maio de 2017

A Amazon lança o Echo Show



Mais um dispositivo anunciado pela Amazon para alegrar as nossas vidas e satisfazer nossas necessidades de consumo: um alto-falante inteligente equipado com tela, o Echo Show! É mais um produto adicionado a sua linha Echo!

Mas, ele precisaria mesmo ser lançado?

Joy of tech - The Amazon Echo Show!
O Echo Show apresenta uma pequena tela sensível ao toque de 7 polegadas, e vem com suporte para a inteligência artificial Alexa da Amazon. Ele também irá oferecer aos usuários a capacidade de fazer chamadas de vídeo, reproduzir vídeos de várias plataformas como o YouTube e até mesmo exibir recursos visuais para acompanhar suas consultas à Alexa.
fonte: The Next Web
Eis aqui algumas especificações e recursos do Echo Show que a Amazon mostra em seu site:
- Suporte para vídeo, incluindo clipes de música, filmagens de câmeras de segurança, fotos, previsões meteorológicas e muito mais.
- Câmera de 5MP para chamadas de vídeo mãos-livres.
- Letras das músicas na tela para faixas tocadas da Amazon Music, com suporte para Pandora, Spotify, TuneIn, iHeartRadio e outros.
- Compatível com sistemas de vigilância de terceiros como Ring e Arlo...

fonte: The Next Web
O Echo Show será enviado ao preço de US$229,99, mas a Amazon está atualmente executando uma campanha promocional que permite pegar dois com um desconto de US$ 100.

fonte: The Next Web

fonte: The Next Web

Em tempo, neste outro artigo, o The Next Web mostra algumas razões para comprar o Echo Show. E nem precisa ser traduzido! 😏




quarta-feira, 10 de maio de 2017

Com vocês, o Fuchsia, possivelmente o novo SO da Google



Já anunciamos aqui que a Google vem trabalhando em um terceiro sistema operacional que pode no futuro, substituir o Android e o Chrome OS de codinome Fuchsia há mais de um ano.
O site Ars Technica conseguiu uma amostra desse novo OS.

fonte: The Next Web via Ars Technica
O Ars Technica conseguiu instalar a interface desse novo OS em um smartphone e o preview pode ser visto no vídeo abaixo feito pelo Hotfix.net:


A interface do usuário centraliza-se em torno de uma lista de tela inicial de rolagem vertical. No centro há uma foto de perfil, a data e a hora, a sua localização e um ícone de bateria. Acima deste espaço central estão as "histórias", que felizmente não são do tipo Snapchat. Em vez disso, parece ser um local para seus aplicativos recentes e grupos de aplicativos (mais sobre isso mais tarde). Abaixo está uma caixa de pesquisa e uma seleção de sugestões, semelhante ao Google Now, exceto que pode ser um launcher também. Ao tocar na imagem do perfil, pode-se acessar algumas configurações rápidas.

Depois de tocar em uma de suas histórias, somos levados para uma interface do aplicativo em tela cheia (novamente, apenas espaços reservados a partir de agora). Se arrastarmos uma janela para outra na sua lista de histórias, seremos levados para um modo de tela dividida. Mas pode-se combinar mais de dois aplicativos, em um movimento que parece combinar a simplicidade de uma interface móvel com a robustez de um sistema operacional de desktop.

fonte: The Next Web via Ars Technica

Parece não haver um limite para o número de aplicativos que se pode empilhar em conjunto, e eles não precisam ser todas as mesmas dimensões. Há a opção de empilhar aplicativos verticalmente ou horizontalmente, o que pode ser útil dependendo do tipo de aplicativo que se está usando. e o feed RSS funciona bem como um aplicativo vertical slim, mas isso não seria legal para um editor de texto. O interessante é que seus aplicativos empilhados permanecem agrupados caso retorne à sua lista de histórias, permitindo que se crie espaços de trabalho virtuais completos conforme precise deles.

fonte: The Next Web via Ars Technica
O Fuchsia parece travar depois de muitos aplicativos empilhados e é possível que a Google limite o número deles, dependendo do tamanho da sua tela. Pode-se trabalhar com dois aplicativos ao mesmo tempo em um smartphone, mas em um tablet, quatro podem ser possíveis.

Uma outra coisa curiosa sobre o Fuchsia é que ele não usa o Linux ou a GPL - ao contrário do Android e do Chrome OS. Sua interface e aplicativos abandonam o Java para o SDK Flutter da multiplataforma da empresa. Basicamente, parece que a Google está tentando usar códigos caseiros para o funcionamento do Fuchsia, esperando fornecer uma experiência mais suave ao usuário final à longo prazo.

Mas vale a pena reiterar que isso é, em última instância, toda uma especulação, pois a Google permaneceu em silêncio com os seus planos para o Fuchsia e nada além de algumas dicas vagas. Pode ser que a empresa de alguma idéia em suas conferências I/O, mas não esperem nada de concreto, nem este ano ou nos próximos.




terça-feira, 9 de maio de 2017

Smartphones, irritação e anti-sociabilidade



Os smartphones se tornaram uma extensão de nossos corpos e praticamente são mais interessantes do que as interações humanas. Quem culpar? Infelizmente Steve Jobs já não está mais entre nós, Foi ele que tornou os celulares muito mais interessantes e fascinantes!


Joy of Tech - The Psychiatryst
Os celulares de hoje são verdadeiros mini-computadores, pois tudo que um pessoa comum fazia antes em um desktop, faz com um smartphone, dada as devidas proporções. Com um smartphone você:
- visita a internet, suas redes sociais e lê seus emails;
- pode tirar fotos e editá-las ao seu bel prazer;
- escreve e edita seus documentos na maioria das suas extensões;
- lê livros (se tiver uma tela grande);
- comunica com outras pessoas via SMS, mensageiros e até faz vídeo-chamadas;
- joga seus games favoritos de todos os tipos;
- etc, etc, etc...

Mas nem tudo são flores,, conforme escrevi no artigo Qual o propósito de um computador, as pessoas estão perdendo a noção do mundo em que vive e estão se deixando dominar por essas máquinas e praticamente confundindo o mundo real com o virtual e praticamente deixando as interações humanas em segundo plano.

É irritante estar com outras pessoas, em qualquer tipo de encontro/situação, e elas darem mais atenção aos seus smartphones do que ao momento em si, de curtir uma amizade ou até mesmo um encontro a dois. É muito mais honesto não ir e se recolher a sua insignificância.

Vou ser sincero, sou anti-social e odeio estar no meio das pessoas, e para evitar qualquer constrangimento, prefiro sempre ficar só e não passar por essa tortura. Eu me recolho a minha insignificância junto com o meu smartphone...

Mas às vezes,, em determinadas ocasiões como em ambientes na qual você não quer ser incomodado, ficar usando e dando mais atenção ao smartphone pode render uma determinada paz, pois é um sinal que você envia na qual não está a fim de bater papo com ninguém e quer ficar somente  na sua. Isso eu faço muito especialmente no trabalho.

Bem, cada louco com a sua mania... Será que Freud explica?




segunda-feira, 8 de maio de 2017

A prima Judy e seus filhos parte 2 (tiras nostálgicas)



Mais tiras nostálgicas! A prima do Jon, Judy, vem com seus filhos para uma visita, e o Garfield odeia crianças... As tiras abaixo foram publicadas em 1985, de 06/05/85 a 12/05/85. Divirta-se!




domingo, 7 de maio de 2017

O propósito de um computador



Qual o propósito de um computador? Qual a sua finalidade? Para que serve um computador? Alguém teria uma resposta? O que temos hoje é o que Alan Turing  tinha sonhado? O computador fez bem para as nossas vidas?

Joy of Tech - A Computer's Purpose
Li em algum lugar que Turing havia sonhado que o propósito de um computador era imitar outras máquinas. Um computador é uma máquina programada para fazer coisas, tais como efetuar cálculos, armazenar e processar informações, recuperar dados, executar programas, algoritmos e rotinas feitos pelos homens a partir de linguagens próprias para a máquina.

Hoje essas máquinas nos trazem informações de tudo quanto é tipo, torna o nosso trabalho cada vez mais fácil e eficiente, nos dá diversão, os assistentes pessoais ajudam a organizar as nossas vidas, comunicamos com qualquer pessoa ao redor do mundo instantâneamente mas ao mesmo tempo, perdemos a interação humana, tornado-nos escravos dessas máquinas, que hoje cabem na palma das nossas mãos, praticamente tornando extensões de nossos corpos.

O papel da tecnologia é a de reunir conhecimentos científicos que podem ser transformados em máquinas(aparelhos e/ou ferramentas) que visam mudar o ambiente para satisfazer as necessidades humanas (o nosso bem estar!). Mas parece que alguma coisa deu errada num certo ponto...

A máquina ao invés de ajudar, está dominando as nossas vidas. Ler, compreender, pensar, refletir, analisar, comparar são alguns dos verbos ultrapassados nos dias de hoje. Com as informações estando em todo lugar, na prática qualquer um pode acessá-las conforme o seu interesse, mas não é o que está acontecendo. O conhecimento não é mais importante, não é mais necessário.

Não é mais importante saber como funciona e o porquê das coisas, e sim apenas como usar e nada mais. Numa sociedade descartável que vivemos, se algo não funciona, joga-se fora e compra outro. Na ânsia de facilitar o acesso e o uso a todos, a tecnologia está tornando a nossa sociedade cada vez mais estúpida.

Olhando por esse ângulo, parece que o propósito do computador perdeu todo o sentido...




sábado, 6 de maio de 2017

Crazy Links #403 - A Torre Negra





E para vocês, posto 10 crazy links interessantes desta semana!!! Confiram:




Google
 
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf.