sexta-feira, 24 de julho de 2020

Piadas de militares

Por que piadas de Militares? Porque com a quantidade de militares que existe neste (des)governo, o golpe já foi dado há muito tempo...

O sargento comandava os jovens soldados:
- Avançar… Sentido! Marchar… Alto! Meia volta! Esquerda… Direita… Avançar… Alto!
De repente, um recruta sai da fila.
- Soldado Silva! Aonde você vai? - gritou o sargento.
- Vou pro alojamento… Volto daqui a pouco, quando o senhor tiver tomado uma decisão!

Fui designado para uma unidade militar como assistente temporário. Certo dia, circulou um memorando com instruções para todos os oficiais lerem e rubricarem. Dessa maneiro, eu li e rubriquei.
Dias depois, o memorando voltou com um bilhete endereçado a mim:
“O senhor atua como temporário e, portanto, não está autorizado a assinar. Por favor, risque sua rubrica e rubrique a rasura.”

Sargento Barbosa do grupo de desativação de bombas do Exército marcou uma aula para a turma de oficinais iniciante. Na hora da demonstração, o sargento mandou buscar uma bomba carregada na área de impacto. Um dos novatos da turma parecia nervoso com o fato de uma bomba não detonada ser usada para demonstração. Volta e meia ele interrompia a aula, dizendo:
- Sargento, sei que o senhor já fez isso antes, mas tem certeza de que está fazendo direito ?
Depois da quarta interrupção, alguém no fundo da sala respondeu:
- Rapaz, eu garanto a você que, em toda sua carreira militar, jamais vai conhecer alguém que tenha feito isso errado.

Certo dia, em um Quartel do Exército Brasileiro, um recém nascido foi encontrado no portão principal, pelo sentinela, durante a troca da guarda.
O Soldado o levou até o Cabo da Guarda, que informou o Cmt da Guarda, que repassou ao Adjunto e este informou o Oficial de Dia, que repassou o problema ao SCmt, que informou o Comandante.
Este mandou nomear um Sindicante em Boletim Interno, com a seguinte finalidade:
- Descobrir se o recém-nascido é produto interno da Unidade, já que aqui trabalham homens e mulheres; e
- Se algum militar está envolvido no assunto.

Depois de algum tempo, foi publicado a seguinte conclusão:

Depois de 4 semanas de investigação, concluímos que o bebê não foi produzido no quartel, pelos seguintes motivos:
- neste Quartel nunca foi feito nada com prazer ou com amor;
- jamais duas pessoas colaboraram intimamente entre si;
- aqui nunca foi feito nada que tivesse pé nem cabeça; e
- neste Quartel jamais foi feita alguma coisa que ficasse pronta
em 9 meses.

Os interessados tomem conhecimento e providências, se houver. Publique-se e Arquive-se.

O coronel que servia como inspetor-geral em nosso comando dava atenção especial a fardas impecáveis. Em certa ocasião, ele flagrou um recruta fora da norma.
– Recruta, o que você deve fazer quando o bolso da camisa está desabotoado? – perguntou ele.
O espantado rapaz respondeu:
– Devo abotoá-lo, senhor!
O coronel olhou-o nos olhos e disse:
– E então?
Com isso, o recruta estendeu os braços nervosamente e abotoou o bolso da camisa do coronel.

Certo dia, no quartel, o coronel ficou sabendo da breve ocorrência de um eclipse solar. Achando conveniente, chamou o capitão e passou as seguintes instruções:
— Capitão, amanha ocorrera por volta de nove e meia da manha um eclipse parcial do sol. Acho que os soldados devem ser instruídos a respeito de que seja um eclipse, e em seguida devem ser conduzidos ao patio onde poderão observar o eclipse. Providencie filmes fotográficos queimados para que ninguém tenha prejuízos na vista. Mas se caso chover, os soldados ficarão no galpão.
O Major procurou o Capitão e passou a ordem:
- Amanha é o dia do eclipse parcial. Por volta de dez horas os soldados deverão estar no patio para presenciar o acontecimento. Providencie filmes para não ter prejuízo na vista. Mas se chover todos devem ficar no galpão. Ordens do coronel.
O Capitão ao Tenente:
- Tenente, Preste a atenção na ordem do coronel: Dez horas de amanha pode ser que aconteça um eclipse parcial. Todos os soldados do destacamento deverão ser conduzidos e filmados no patio. Mais atenção! Não pode dar prejuízo a vista. No caso de chuva, os homens devem ficar no galpão.
O Tenente procura o sargento e transmite:
- Amanha dez horas esta marcado parcialmente pelo coronel que todos devem ir ao patio para aguardarem se vai ocorrer o eclipse. Se o eclipse ocorrer todos devem ser filmados, mas não se esqueça de providenciar os filmes, não compre a vista, pode dar prejuízo. Se o chover todos devem permanecer no galpão.
O Sargento ao Cabo:
- O coronel espera que amanha ocorra o eclipse. Preste a atenção: Conduza os seus homens ao patio e mostre o filme a eles. Se chover todos devem ficar no galpão.
Desta forma o Cabo foi a companhia, reuniu os soldados em forma e disse em alta voz:
- Atenção Soldados! Em caso de chuva o eclipse vai ser no galpão!

fonte: Voz da Bahia
fonte: Blog do AFTM


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google