Pesquisa personalizada

domingo, 26 de fevereiro de 2017

O anúncio da Nasa, mais do mesmo!





Quarta-feira passada, a Nasa reuniu a imprensa para fazer um grande anúncio, a descoberta de um sistema isolar composto de 7 planetas, com três deles favoráveis a vida... Nada de novo no front. Eu mesmo já não espero mais grande coisa...

Joy of tech - Seven Angry Planets!
Há muito tempo, eu já havia falado que a descoberta de planetas fora do nosso sistema solar iria aumentar. Com a melhora de aparelhos e técnicas de precisão, encontrar planetas no espaço seria algo comum e corriqueiro. Agora o que realmente seria fantástico seria mesmo a descoberta de vida, mesmo que seja uma ameba espacial, isso sim seria fantástico e o tapa final na cara da religião.

Por isso, eu já nem me incomodo com esses "grandes" anúncios da Nasa. É sempre o mais do mesmo! Nem fiz questão de fazer um artigo imediatamente após o anúncio (talvez seja por isso que eu não fico rico "blogando", eu só publico aquilo que me interessa...).

Para resumir a história:  O Trappist, Transiting Planets and Planetesimals Small Telescope, um programa que conecta telescópios europeu no Chile, já tinha identificado três planetas no ano passado,  em volta de uma anã vermelha situada a 39 anos-luz da Terra, cerca de 370 trilhões de km.(Um ano-luz é igual a 9,5 trilhões de km.). Com mais técnicas de precisão, descobriram mais quatro planetas e o sistema ficou conhecido como Trappist 1. A estrela chamada de Trappist-A e os sete planetas de Trappist-B até H.

TRAPPIST-1 é um sistema contendo 7 planetas comparáveis a Terra. Eles orbitam uma pequena
estrela anã super-fria. A distância dos planetas à estrela significa que a água líquida poderia
provavelmente existir em suas superfícies. O sistema foi encontrado quando os planetas passaram na
frente da estrela, invocando uma sombra chamada de transit. Esta propriedade permite que seremos
capazes de investigar o clima e a composição química, um passo essencial para descobrir se a vida já
emergiu por lá. via Imgur
O interessante é que em todos eles parecem haver condições de vida, especialmente em três deles que estão dentro da chamada zona habitável. Um detalhe, a estrela é bem menor e mais fria que o nosso Sol. Só para se ter uma idéia, ela é quase do tamanho de Júpiter.

Para saberem mais sobre a descoberta, recomendo os seguintes artigos feitos por colegas blogueiros:

- Os 7 planetas de Trappist - Momentum Saga
- Finja surpresa: sabe a Notícia da NASA… Não eram ETs - Meio Bit
- Astrônomos encontram sistema planetário com sete mundos rochosos, quiçá habitáveis - Mensageiro Sideral

E podem esperar por mais notícias semelhantes à essa pipocarem pelas agências espaciais. Mais somente uma realmente mudará o mundo e forma como vivemos, que seria a descoberta real da vida fora da Terra...

Ainda estamos aguardando... Estamos chegando lá!


Permalink:





Sobre o Autor:
Crazyseawolf Para saber mais sobre o autor deste blog, visite o seu perfil no Google+ ou este link . Para enviar uma mensagem, clique aqui . Para outras informações, leia o FAQ .



0 Comentando aqui :

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google
 
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf.