Pesquisa personalizada

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Os Felicianos nossos de cada dia...





Ultimamanente, as redes sociais estão sendo infectadas por postagens de repúdio e ódio à uma pessoa  que foi colocada politicamente num cargo da comissão de direitos humanos. Um cara que é um pastor e representante de Deus na Terra, que possui um discurso preconceituoso, que dispara em seus sermões o racismo e homofobismo  de uma maneira tão natural...

Ele declara que é tudo culpa do Diabo! E o quanto Deus é um ser vingativo! John Lennon ousou dizer que os Beatles eram maiores do que Jesus Cristo, e morreu levando três tiros... Três tiros que foram obra de Deus! Os Mamonas foram dizimados porque faziam as crianças falarem palavrões. O Caetano Veloso fez pacto com o Diabo para vender milhões de um certo disco.
Além disso, declarar claramente que "a podridão dos sentimentos dos homoafetivos leva ao ódio, ao crime, à rejeição" e que "os africanos são acometidos de uma maldição divina" parece ter sido um tiro dado no pé... Essas declarações causaram impacto, e o pessoal da internet não perdoa.

fonte: Mas que porra é essa?

Mas sem querer defender esse tal de Marcos Feliciano, ele é apenas um entre muitos dos que compartilham o mesmo pensamento. O que ele fala e prega é comum e corriqueiro entre essa grande gama de pastores que infestam o país. Experimentem freqüentar esses inúmeros templos evangélicos e vocês verão esses preconceitos tão exacerbados por ele fluírem da boca de outros pastores. Além disso, existem certos setores da nossa sociedade que também possuem esse ranço preconceituoso, mas todos eles tem algo em comum, citam um conto de fadas milenar como se fosse verdade absoluta dos fatos.

E essas pessoas realmente acreditam no que dizem assim como Hitler, que era cristão e acreditava piamente que os alemães representavam a raça pura escolhida por Deus e que todas as outras deveriam ser dizimadas.

Hoje esse cara se tornou a  bola da vez, mas poderia ser outro, pois o partido dele é formado por políticos evangélicos tão fascistas quanto ele.

O meu temor é que esse cara possa se tornar um mártir, pois ele se tornou um para-raios em todas as mídias, como se fosse o único a ser combatido... Mas espera aí, e os outros? O problema não é o Marcos Feliciano, e sim a religião como um todo. Quer queiram ou não, tais preconceitos estão latentes em cada  instituição religiosa.

De que adianta derrubar o Feliciano, se os Bolsonaros e os Malafaias da vida continuarão com a carta branca que o povo concederam à eles?

E sério, essas manifestações de sofá nas redes sociais cansam!
Grupelhos que ficam ofendidos por qualquer declaração também cansam!
Discursos de religiosos enchem o saco!
O politicamente correto é uma merda!

E lembrem-se, a política não é o problema. Problema é o povo que coloca esses canalhas corruptos no poder.


Permalink:





Sobre o Autor:
Crazyseawolf Para saber mais sobre o autor deste blog, visite o seu perfil no Google+ ou este link . Para enviar uma mensagem, clique aqui . Para outras informações, leia o FAQ .



4 comentários :

  1. Cidão.
    Só vou comentar umas coisas aqui porque já conheço um pouco suas ideias e acho que pensamos meio parecido sobre estes assuntos.

    Pra mim está tudo bem claro:

    O projeto desta ala de evangélicos fundamentalistas é conquistar espaços no poder, para transformarem o Brasil em um estado teocrático, e se possível trocando a nossa Constituição por leis baseadas no que está escrito nesta droga de livro chamado bíblia, que na minha opinião foi escrito provavelmente por um bando de lunáticos.

    Não sou ateu, não sigo religião nenhuma, e não acredito que esse tal de Jesus tenha realmente existido. Não há nenhuma prova concreta. Tudo invenção esse negócio de milagres. Tenho pena de quem acredita que água pôde um dia ser transformada em vinho, mortos ressuscitaram, e por aí vai. Delírio puro. Ninguém pode transformar os átomos, ir contra a natureza das coisas. Eu acho que está completamente certo o cidadão, que não me lembro mais quem foi que disse aquela frase:
    "A religião é o ópio do povo"

    Em um futuro próximo, com o desmantelamento da educação no país, e com essa maioria de jovens que vemos todos os dias nas escolas que damos aulas, despreocupados em aprender alguma coisa que preste para que pelo menos não sejam enganados por estes pastores safados que se aproveitam justamente da ignorância coletiva, haverá cada vez mais gente votando nesta corja de aproveitadores.

    Espero não estar mais vivo pra ver concretizada essa minha pessimista profecia.

    Concordo que também já encheu o saco essa turma protestando através do facebook contra o Feliciano. É mais uma modinha, e muitas destas pessoas são tapadas pra caramba sobre assuntos políticos, mas adoram se sentir politicamente corretas. Daqui a pouco, como vc mesmo falou, sai o Feliciano e entra um primo, filho ou sobrinho do Edir, do Bolsonaro ou do Malafalha.
    O buraco é mais embaixo. Estes caras de bobos não têm nada.

    Quer lugar melhor pra faturar milhões, vendendo ilusões, do que um país com uma massa de ignorantes que não têm educação descente, e cuja grande maioria leva uma vida desgraçada e sem esperança de melhorar em vida?

    É só prometer a eles um paraíso o céu.

    Desculpa o desabafo, mas estou indignado com um monte de coisas que estou vendo na minha profissão e no país em que moro.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É amigo, concordo em gênero, número e grau com o que você escreveu. Faço minha a sua indignação!
      Ás vezes sinto que o que eu ensino não serve para nada, que estou jogando pérolas aos porcos.
      Do jeito que a coisa está indo, quase não mais acredito que a educação seja a solução... A coisa é muito mais profunda.

      Excluir
  2. Saudações professor Cidão!Aqui quem lhe escreve é um antigo aluno seu de Física do NSL,Rodrigo Tancik.
    Opiniões fundamentadas em preceitos religiosos no meio político na minha opinião é inadmissível.Pior que isso é encontrar comentários pseudo-revolucionários nas redes sociais de pessoas que tentam de alguma forma se livrar da culpa de um "cidadão ausente", praguejando e esgurmitando todo o ódio por esse ser que foi colocando nas cadeiras do poder pelos votos de suas ovelhas alienadas,como se algo fosse mudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rodrigo, apesar do que eu disse no comentário anterior, uma parte de mim ainda acredita que a educação é o caminho. Nossa sociedade hoje está muito acomodada ou conformada. Se as pessoas precisam crer num ser superior para seguirem suas vidas, ok. Mas não se mobilizar e exigir seus direitos como cidadãos conscientes é inadmissível.
      Um abraço! :)

      Excluir

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google
 
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf.