Postagem em destaque

08/12/1980, o dia em que o sonho acabou!

8 de dezembro de 1980. Uma data muito triste. Um dos maiores ícones da  cultura pop e do rock foi covardemente baleado com 5 tiros enquanto ...

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

5 passos da tortura que é ligar para o SAC de qualquer empresa/serviço

Já mencionei que odeio falar em telefone ou em celulares? Eu só tenho os dois unica e exclusivamente para ter acesso a internet, no caso a Vivo para o Speedy no notebook e a Tim para o smartphone.

E surgiu um problema sério com a TIM devido a créditos consumidos indevidamente. Ou o problema está na linha ou no chip, e esse tipo tem que ser resolvido ligando para a empresa. E aí começa a tortura pois ligar para o SAC de qualquer empresa é um saco.

Nenhum SAC presta!

Com as minhas experiências desastrosas com várias empresas do ramo, percebi que o modus operandi de cada uma delas são semelhantes, e abaixo exponho os 5 passos da tortura que é tentar resolver um problema, que na verdade nunca é resolvido na grande maioria das vezes:

1 - Telefonar

Para pessoas anti-sociais com ojeriza de pegar um celular ou um telefone fixo e dicar qualquer número para conversar com outra pessoa do outro lado da linha é um suplício sem fim. Mas quando um problema aparece e o único jeito de resolvê-lo é telefonar para o SAC do serviço, esse sacrifício tem que ser feito.

2 - Voz automatizada irritante

Qualquer SAC tem um assistente automatizado, geralmente é a voz pré-gravada de alguém feliz e pronto para resolver os seus problemas. Uma coisa que se percebe é que essa voz é semelhante em outros serviços. Alguém grava as falas como se realmente quisesse ajudar o usuário, só que quando começa a falar mais atrapalha do que ajuda

3 - Menu intermitente

O menu falado pela voz eletrônica parece um fluxograma. As opções vão de 1 a 0, e cada opção tem sub-opções de no mínimo 1 a 3. Geralmente a opção na qual você precisa é sempre o 0. É aquela em que você quer falar direto com algum atendente. As inúmeras outras são todas virtuais e não resolvem o seu problema.

3 - Espera intermitente

Quando você tecla na opção de conversar com algum atendente, começa uma outra tortura sem fim. Alguns serviços vem com aquela música irritante, que pausa algumas vezes com um anúncio que você não está a fim. De repente o sinal de que você vai ser atendido ocorre, ouve-se um chiado e a maldita música volta. E quando você menos espera, dá para ouvir um som como se fosse alguém  desligando o telefone na sua cara. Aí voc~e tem que começar tudo de novo voltando ao passo 1...

4 - Finalmente alguém te atende..

Após telefonar de novo e passar pelas torturas antes mencionadas, você finalmente consegue falar com o atendente "Aqui é Fulano(a) de Tal, Com quem estou falando?"; "Qual o seu número (telefone/registro/etc"; "Em que eu posso te ajudar..."

Aí você relata o problema e duas coisas pode acontecer:

- "Senhor, estamos sem sistema, por favor, pode retornar em dois dias?"

Nesse caso nada você pode fazer, a não ser o seu nervosismo crescendo exponencialmente querendo jogar o telefone ou o celular na parede...

- "Eu vou passar o Senhor para o departamento especializado, aguarde..."

E bota aguarde nisso. É como se voltasse aos passos 3 e 4. Quando finalmente você acha que vai ser atendido, de novo desligam na sua cara. Você dá um suspiro, conta até 10 e volta ao passo 1.

Obs.: Às vezes o atendente tira sarro de você na maior cara dura. Os atendentes da Vivo Speedy são mestres nisso. Nunca esquecerei um deles falando "...também, quem mandou escolher a Telefonica..."

5 - O momento final!

Com muita paciência, você segue de novo os passos anteriores e dessa vez você consegue ser atendido no ramal correto e seu problema não é solucionado. E o(a) atendente abre uma tal de ocorrência na qual você será contatado 3 ou 4 dias depois, ou um técnico será agendado para ir até a sua casa. O número de protocolo é dado e a pessoa pede para você não desligar o telefone, porque há uma pesquisa sobre o atendimento, que vai de 0 (insastifeito) a 5 (muito satisfeito) ou se o problema foi resolvido ou não.

Nessa odisséia, você perde mais de uma hora e meia. Pelo menos o número discado para o SAC é de graça, eles parecem ter consciência, imagine a grana que viria na conta do seu telefone.

Os passos descritos acima acontece na grande maioria dos problemas, mas se você quer cancelar determinado serviço, a tortura é muito, mas muito maior, falo isso por experiência própria.

Em tempo, meu problema com a TIM ainda não foi resolvido, e já vai para a terceira semana. A minha natureza destrutiva quer destruir algo, seja o telefone ou o celular. O pior é que o celular é novo e tenho medo da minha fúria incontida.

Uma coisa é certa, os serviços de telefonia, TV a cabo e Internet neste país são sofríveis. Não dá para saber qual a pior. Faça a sua escolha sabendo que vai ter problemas e já prepare alguma coisa para a dor de cabeça futura, pois é inevitável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google