Postagem em destaque

08/12/1980, o dia em que o sonho acabou!

8 de dezembro de 1980. Uma data muito triste. Um dos maiores ícones da  cultura pop e do rock foi covardemente baleado com 5 tiros enquanto ...

terça-feira, 21 de junho de 2016

O gato de Schrödinger e suas muitas interpretações engraçadas

Parece que o universo conspira para eu ter o que escrever neste blog. Ontem um aluno me perguntou se o Gato de Schrödinger realmente existiu e o Joy of Tech nos brindou com essa webcomic engraçada sobre os vários estados divertidos desse gato! Uma coisa puxou a outra...

Joy of Tech- Schrödinger's Cat, the many states interpretation

O Gato de Schrödinger foi puramente uma experiência imaginária (mental ou hipotética) que descreveu o paradoxo que é a Física Quântica. Ela foi concebida pelo físico austríaco Erwin Schrödinger, em 1935. A Física Quântica demonstra que o movimento das partículas subatômicas é bem diferente do que temos na vida real, onde um corpo sempre tem uma posição num determinado instante e sua velocidade pode ser calculada pelas relações que você aprendeu no ensino Médio, a famosa Física Clássica.

Na Física quântica, as partículas podem ser comportar ora como ondas, ora como partículas e elas podem estar em dois lugares ao mesmo tempo! Podemos dizer que existem realidades paralelas que são afetadas por quem as estão observando. Por isso temos uma incerteza porque não há como determinar a posição ou velocidade de uma partícula ao mesmo tempo. Isso significa que qualquer tentativa de observação afetaria essas realidades e elas entrariam em colapso, ou seja, só veríamos apenas uma delas.

A matemática que rege a Física Quântica é a Probabilidade!

A experiência mental consiste em colocar um gato dentro de uma caixa e bombardeá-la com partículas radioativas. Se a radioatividade penetrasse na caixa o gato estaria morto, caso contrário, ele estaria vivo. Teríamos então dois estados ou possibilidades, vivo e morto, e só saberíamos o que realmente acontece se a caixa for aberta. O estado vivo/morto representaria as realidades que podem co-existir ao mesmo tempo, até que algo interferisse, no caso a abertura da caixa.

Se Schrödinger tinha realmente um gato, não vou saber dizer mas podem ficar sossegados, nenhuma experiência do tipo foi feito com esses felinos adoráveis. Fico pensando se alguém teria coragem de usar essas bolinhas de pêlos numa experiência digamos, nefasta! Quem seria tão cruel para chegar nesse ponto? Eu nunca faria isso, nem mesmo pelo meu amor à Ciência!

E para quem acha que a Física Quântica é só uma teoria (muitos acham que essa palavra é só uma especulação), lembre-se que ela tem aplicações nos transistores, na computação quântica, fibras óticas e em outras inúmeras tecnologias.

Leia mais sobre qual é a diferença entre teoria e hipótese!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google