quarta-feira, 13 de março de 2019

Parece ironia, mas não é, o Facebook anuncia nova plataforma focada em privacidade

Semana passada, Mark Zuckerberg revelou sua nova "visão focada na privacidade para as redes sociais" em um breve manifesto que indiretamente reconhece os fracassos anteriores da sua empresa. E propõe criar uma nova plataforma... É pra rir ou pra chorar?

fonte: Android Police
Essa nova visão é baseada em uma plataforma centrada em privacidade que a empresa alega que será construída abertamente e em consulta com especialistas em vários campos. Presumivelmente, depois que terminar fazer tudo o que puder para lutar contra as leis de privacidade.

A postagem alega ser de autoria do próprio Zuckerberg, e é uma deliciosa mistura de metáforas ligeiramente confusas e uma narrativa revisionista que pinta o Facebook como um defensor da privacidade, mesmo reconhecendo seus repetidos fracassos. (E não é brincadeira, parece divertido que isso seja de 2019).

Zuckerberg, pelo menos, tem a autoconsciência para reconhecer que este anúncio pode ser visto como irônico:

Entende-se que muitas pessoas não acham que o Facebook possa ou gostaria de construir esse tipo de plataforma focada em privacidade, pois, para ser franco, não temos atualmente uma reputação forte para criar serviços de proteção à privacidade, e historicamente nos concentramos em ferramentas para compartilhamento mais aberto. Mas temos repetidamente mostrado que podemos evoluir para construir os serviços que as pessoas realmente querem, inclusive em mensagens privadas e histórias.

De acordo com os detalhes deste anúncio, a nova plataforma será baseada em seis princípios básicos, inconsistentemente capitalizados, ocasionalmente redundantes:
  • Interação privada
  • Encriptação
  • Reduzindo Permanência
  • Segurança
  • Interoperabilidade
  • Armazenamento seguro de dados
O mais interessante de tudo isso descrito acima, do ponto de vista do produto, é a interoperabilidade (capacidade de um sistema de se comunicar de forma transparente com outro sistema), na qual o Facebook delineia comunicações cross-service adicionais para seus vários produtos, como enviar um SMS pelo Facebook Messenger para seu amigo por meio de criptografia sobre WhatsApp etc. A maioria dos outros princípios são mais ideais generalizados, pintando um quadro que equilibra os requisitos legais e morais com a segurança e a privacidade do cliente à medida que o Facebook trabalha para desenvolver seus produtos tendo essas preocupações em mente.

A empresa planeja reconstruir pelo menos alguns dos serviços em torno dessa nova plataforma "nos próximos anos", com repetidas referências para cooperar e buscar orientação de especialistas em privacidade e segurança durante o processo.

Quem estiver rindo agora, vai para o inferno! Mas eu não consigo parar de rir!!!Bwahahahahahahahaha...

fonte: Android Police via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google