Pesquisa personalizada

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Piadas de peru





Final de ano peru é um dos que pagam o pato nessas malditas festas religiosas que pipocam por aí. Ontem foi o dia de ação de graças e em menos de um mês, vem o Natal. Como odeio tudo isso... O negócio é se divertir com as piadas de peru!

Você sabe o que dá o cruzamento de um pato com um Peru?
- Um argentino papudo e cagão!

Como é a camisinha da Sadia?
Ela apita quando o peru está assado!

Qual o nome dado a um salto artístico de um peru?
- Uma "peru-êta"

O peru estava batendo papo com o touro.
- Eu adoraria ser capaz de chegar ao topo daquela árvore - suspirou o peru. - Mas não tenho força.
- Ora, por que você não come um pouco do meu esterco? - replicou o touro - Ele tem muitos nutrientes.
O peru bicou um pedaço de esterco e verificou que realmente isso lhe dava a força necessária para chegar ao primeiro galho da árvore. No dia seguinte, depois de comer mais uns bons nacos de esterco ele chegou ao segundo galho. Finalmente, depois de duas semanas, comendo esterco do boi, do búfalo, das zebras etc., ele estava orgulhosamente empoleirado no alto da árvore. Imediatamente foi visto por um fazendeiro que atirou nele.
Moral da história: qualquer bosta pode levar você ao topo, mas não o manterá lá.

A professora chega na sala e pede para cada aluno fazer uma poesia. Após uma hora, pede que os alunos comecem a ler o que tinham escrito.
-Maria leia sua poesia.
-Mãe é graciosa, bonita como uma rosa.
-Ótima Maria, parabéns!
-Pedrinho leia a sua.
-Natureza é vida, natureza é amar, devemos nos unir para ela preservar.
-Muito boa, nota 9.
-Joãozinho, agora é sua vez.
-O peru tem pena no cú.
-Joãozinho! Que coisa mais feia, refaça a sua poesia, e não me venha com imoralidades.
Depois de 10 minutos a professora pede que ele releia a nova poesia. Então Joãozinho pega o papel e lê:
-O peru tem pena no pé, só não tem pena no cú porque a professora não quer.

Uma grande disputa entre dois fazendeiros se desenrolava numa das Varas de última instância, e um deles fala para seu advogado:
- Vou mandar uns perus pro juiz
Pelo amor de Deus, não faça isso! Eu conheço esse juiz. Se você mandar, tenha certeza que nossa causa estará perdida.
Passou-se um tempo e esse fazendeiro ganhou a causa. Num encontro com o advogado, falou:
- Viu como foi bom mandar os perus?
Mas, você mandou mesmo? Eu não falei para não mandar! Por que será que ganhamos a causa?
- É que eu mandei em nome do outro fazendeiro.

Era uma vez um padre de um pequeno vilarejo que tinha um peru como mascote. Certo dia ele notou que o peru tinha desaparecido e logo suspeitou que alguém no vilarejo o tinha roubado.
No dia seguinte, na missa, ele pergunta à congregação:
- Algum de vocês aqui tem um peru?
Todos os homens se levantaram!
- Não, não! - disse ele - Não foi isso que eu quis dizer! É, vamos ver... Algum de vocês viu um peru?
Todas as mulheres se levantaram!
- Não, não! - repetiu o padre - O que eu quero perguntar é se algum de vocês viu um peru que não lhes pertence!
Metade das mulheres se levantaram!
- Não, não! - disse ele, mais uma vez - Acho que não formulei bem a pergunta... Vamos ver... Anh... Algum de vocês viu o meu peru?
Todos os coroinhas se levantaram!

Bêbado preparando uma Receita: Peru com Whisky
Ingredientes:

01 Garrafa de Whisky - Do bom, é claro!!
01 Peru de aproximadamente 5 Kg
Sal, Pimenta e cheiro verde à gosto
350 ml de azeite extra virgem
500 g de bacon em fatias
Nozes moídas

Modo de Preparar:

Envolver o Peru no bacon e temperá-lo com sal, pimenta e cheiro verde a gosto. Massageá-lo com azeite. Pré-aquecer o forno por aproximadamente 10 minutos.

Servir-se de uma boa dose (caprichada) de Whisky enquanto aguarda.
Colocar o Peru em uma assadeira grande. Sirva-se de mais duas doses de Whisky.
Ajustar o zerbostato na marca 3, e, debois de uns binte binutos, botar para assassinar... dãooooo.... Digu, assar a ave. Derrubar uma dose de Whisky. Bedois de beia hora, formar a baertura e controgar a asssaduga do pato. Tentar zentar na gadeira, servir-se de uooooootra dose sarada de Whissssky.

Cozer (?), co sturar(?), cozinhar (?), sei lá, foda-se o Biru. Deixááá o filho da puta no vorno por umas 4 horas.
Tentar retirar a merda do Biru. Mandar mais uma boa dose de Whisky(ahhh) prá dentro... he he he...eu tô guegal... (scoc, opa! saúde!) Thenthar novamentiiii dirar o zacana do Biru do vorno, porque na primeira deenndadiiiva..... dãããão deeeeeeeuuuu. Begar o Biru que gaiu no jão, e, enxugar o fio da puta com o bano de jão e cologá-lo numa pandeja ou qualquer outra borra, bois, avinal, vc nem gossssssssta buito dessa bosta besbo.
Bronto!
Num vumita no vrango, garaio!

Enquanto isso, em 2012...
fonte: Pelotas





Permalink:





Sobre o Autor:
Crazyseawolf Para saber mais sobre o autor deste blog, visite o seu perfil no Google+ ou este link . Para enviar uma mensagem, clique aqui . Para outras informações, leia o FAQ .



0 Comentando aqui :

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google
 
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf.