quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Facebook está implementando uma pontuação de confiança para todos os usuários

O Facebook revelou esta semana que está tentando conter o fluxo de notícias falsas, atribuindo valores de confiança aos usuários.

Adicionar legenda
A empresa insiste em manter seus critérios de segredo de confiabilidade, no caso de pessoas não confiáveis ​​tentarem atacar o sistema que com certeza, irão fazer.

Tessa Lyon, gerente de produtos do Facebook, disse ao Washington Post um pouco mais sobre o sistema, no qual a empresa usa várias bandeiras para identificar quais pessoas no site são mais confiáveis ​​do que outras. Ele classifica os usuários em uma escala de zero a um. A única métrica de julgamento que ela admitiria é o histórico de relatórios de uma pessoa.

Portanto, se uma pessoa sempre sinaliza uma fonte de notícias como sendo falsa quando o próprio Facebook não julgar a fonte como não ser confiável, ela julgará essa pessoa como indigna de confiança. Lyon insinuou que a empresa entende que a pessoa denunciou o site por um desacordo ideológico: “Eu gosto de fazer a piada de que, se as pessoas relatassem apenas coisas que eram (na verdade) falsas, esse trabalho seria tão fácil! As pessoas costumam relatar coisas com as quais simplesmente não concordam ”.

Uma coisa é certa,  esse sistema não é algo que o Facebook acabou de criar, e na verdade a principal razão para que isso esteja sendo revelada agora é porque a empresa está tentando mostrar que pode nos "proteger" no período que antecede as eleições de 2018(tanto lá como aqui). Infelizmente, para que isso funcione, o Facebook não pode realmente revelar mais do que já tem, pelo menos, de acordo com o Lyon. Se o Facebook dissesse a você sobre o sistema pelo qual ele determina que você não é confiável, então você pode consertar o sistema para fazer com que ele seja confiável.

Assim como há usuários não são confiáveis, há também as organizações de notícias. É só lembrarmos daquela página de evento para o contra-protesto incendiário na manifestação Unite the Right , aquela que mais tarde revelou ter sido contaminada pelo fedor da interferência russa? Todos os manifestantes legítimos nesse caso foram atraídos para o evento por pessoas ostensivamente reais que lhes asseguraram boas intenções. Mesmo um dos maiores organizadores do evento confessou que achava que havia algo engraçado nisso ele disse a WaPo que suspeitava do fato de a pessoa com quem ele falou não querer se encontrar ou falar pelo telefone, mas concordou com isso porque outra pessoa pediu.

O Facebook começou a usar um sistema semelhante para classificar a confiabilidade das organizações de notícias no início deste ano. O CEO Mark Zuckerberg disse a um grupo de repórteres na conferência F8 que ele estava trabalhando em um sistema de classificação, e notícias classificadas como não confiáveis ​​seriam menos visíveis nos feeds de notícias.

O problema é que ele pode não conseguir implementar a mesma solução para lidar com usuários não confiáveis, ou você corre o risco de impedir sua capacidade de usar o Facebook. O pensamento de que o Facebook pode realmente anular seu discurso por causa de uma métrica interna da qual você não sabe nada é mais alarmante do que a ideia que eles estão julgando em primeiro lugar.

fonte: The Next Web via Washington Post

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google