Pesquisa personalizada

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Piadas de aniversário parte 4





Por que piadas de aniversário? A ocasião pede e porque o blog é meu e quis postar, ora bolas! A única coisa boa em aniversários é o bolo, e se for Floresta Negra, eu mesmo me convido!!!

Os pais, os avós e os tios presentearam o Joãozinho com dinheiro no dia do seu aniversário. E o pai dá conselhos:
- Agora, tem que gerir bem esse dinheiro. Olha que, à medida que o tempo passa, as coisas ficam mais caras.
O Joãozinho:
- É sério?! Então é melhor gastar essa grana já hoje porque amanhã tudo será mais caro…

- Mãe! O que eu vou ganhar de aniversário? — pergunta o Joãozinho.
- Mas, filho! — responde a mãe — O seu aniversário é só no final do ano! Ainda falta muito!
- Então, mãe... Eu só quero ver se vai valer à pena eu me comportar até lá!

No dia do aniversário:
- Mãe, agora que já tenho dezesseis anos, posso usar sutiã?
- Não, não pode. – Responde o mãe.
No dia seguinte:
- Mãe, agora que já tenho dezesseis anos e um dia, posso usar sutiã?
- Não, não pode. – Responde novamente a mãe.
Passa-se mais um dia:
- Mãe, eu já tenho dezesseis anos e dois dias. Posso usar sutiã?
Farta da conversa, responde a mãe já chateada:
- Porra, já falei que não pode, Frederico!

Numa festa de aniversário, um convidado pergunta à aniversariante:
- Quantos anos está fazendo?
- Quarenta. – Responde a mulher.
Intrigado, o convidado diz:
- Quarenta?! Mas já há dez anos que diz que tem essa idade.
Responde a mulher:
- Claro, eu não sou uma daquelas que hoje diz uma coisa e amanhã outra.

4 mulheres fazem aniversário no mesmo dia, e sempre comemoram juntas.
No aniversário de 40 anos, elas vão ao restaurante Bela Vista porque os garçons são lindos e usam roupas justas.
No aniversário de 50 anos, elas vão ao restaurante Bela Vista porque os preços são razoáveis e a carta de vinhos é boa.
No aniversário de 60 anos, elas vão ao restaurante Bela Vista porque lá é quieto e o ambiente é agradável.
No aniversário de 70 anos, elas vão ao restaurante Bela Vista porque tem acesso à cadeira de rodas.
No aniversário de 80 anos, elas vão ao restaurante Bela Vista porque nunca foram lá antes!

Dezoito horas, a família terminou de cantar o parabéns para a velha sogra. De repente um dos genros teve uma ideia e disse:
— Vou declamar uma poesia em homenagem a minha querida sogrinha.
Todos fizeram silêncio e ele recitou os seguintes versos:

"Já enfrentei toda sorte de maldade
Comi carne de sapo e de cobra
Mas juro com toda sinceridade
Foi melhor do que tê-la como sogra!"

O silêncio foi geral risinhos de noras e outros genros. A sogra franziu a testa e disse:
— Muito obrigado tenho também uns versinhos como réplica!
E começou a declamar:

"Já montei em porco espinho,
Já beijei a macaca
Passei por duros caminhos
Passeando com uma ticaca.
Quisera minha gente eu ter
Como genro um tatu
Do que todo dia ver
Um fresco e corno como tu."

fonte: Julinho e seus desenhos







Permalink:





Sobre o Autor:
Crazyseawolf Para saber mais sobre o autor deste blog, visite o seu perfil no Google+ ou este link . Para enviar uma mensagem, clique aqui . Para outras informações, leia o FAQ .



0 Comentando aqui :

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google
 
 
Template Denim, criado por Darren Delaye, customizado por Crazyseawolf.