quarta-feira, 11 de julho de 2018

Twitter suspende mais de 70 milhões de contas

Parece que desta vez, o Twitter realmente entrou em guerra com as contas falsas e suspeitas. Desde maio, a rede social suspendeu mais de 70 milhões de contas. Mas o problema é muito maior do que se parece.

Adicionar legenda
De acordo com um relatório do The Washington Post, a plataforma social mais tóxica do mundo suspendeu mais de um milhão de contas por dia, cerca de 70 milhões no total, desde o início de maio. E essa ação parece não estar diminuindo. Depois da pressão do Congresso em outubro passado, no esforço de tentar entender como a Rússia usava contas falsas e bots para influenciar a eleição presidencial dos EUA, o Twitter mais do que dobrou sua taxa de suspensões.

Essa remoção agressiva de contas indesejadas ressalta as preocupações de anos que a plataforma acabou perdendo o controle, tornando-se uma fossa que acolheu as vozes de trolls, valentões e racistas.

O Twitter, historicamente, mostrou-se disposto a fazer mudanças. Essa mudança, no entanto, deve ser ponderada contra as conseqüências de perturbar um ecossistema relativamente delicado que, neste momento, parece servir de influência acima de todos os outros.

É um problema que não provém da política, mas de sua aplicação seletiva. As proibições ocasionais de racistas, trolls e valentões, pessoas como David Duke, Martin Shkreli e Milo Yiannopoulos, podem apaziguar seus críticos mais contundentes, pelo menos temporariamente, mas não fazem nada para atender às necessidades da plataforma como um todo em nada mais do que um cronograma imediato. É como colocar um bandaid numa uma ferida que, neste ponto, obviamente requer uma cirurgia.

Shkreli e Yiannopoulos, por exemplo, não foram banidos por discursos de ódio, trollagem ou por seus comportamentos geralmente tóxicos na plataforma.

No caso de Shkreli, foi uma suspensão temporária que virou banimento permanente por assediar a jornalista Lauren Duca.

Já Yiannopoulos estava desencadeando seu exército agressor de extrema direita contra a atriz Leslie Jones. “Eles fizeram uma decisão muito idiota antes de ter os olhos da mídia mundial em mim. Eu acho que eles vão se arrepender ”, disse ele sobre o banimento. "Qualquer um que acredita na liberdade de expressão recebeu uma mensagem muito poderosa hoje, que é que você não é bem-vindo no Twitter".

Para alguns, porém, suas contas estão firmemente em um território "grande demais para falhar". Donald Trump, por exemplo, rotineiramente se envolve em comportamento na plataforma para a qual outros foram banidos. Ou temos Elon Musk, que recentemente atacou uma jornalista depois de receber uma cobertura injusta, ao acusá-la de aceitar pagamentos de vendedores para reduzir o preço das ações da Tesla.

A mudança foi, para dizer o mínimo, lenta.

Embora seja improvável que o Twitter tome ações significativas em suas maiores contas, fica claro que está fazendo algumas mudanças. Livrar-se da plataforma de contas falsas, spammers, bots e seus usuários mais críticos é, sem dúvida, progresso, assim como tomar uma medida para limpar a plataforma com o risco de alienar os acionistas, que definitivamente não ficarão felizes se a abordagem lidera um declínio nos usuários mensais em relação ao segundo trimestre, que terminou na semana passada.

O progresso deve ser sempre aplaudido e, nesse caso, fica claro que o Twitter está colocando as necessidades da plataforma, do usuário, antes do ganho financeiro. Talvez seja a única ação que pode dar, já que as celebridades e outros influenciadores ameaçam continuamente deixar (ou realmente deixar) a plataforma devido a seus usuários mais deploráveis. Mas ainda assim, teve coragem de fazer isso.

Mas se o Twitter realmente quiser resolver o problema, terá que começar com as contas que mais parecem empenhadas em proteger. Embora a suspensão de 70 milhões de contas seja uma boa notícia, ainda é um problema muito maior.

fonte: The Next Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Related Posts with Thumbnails
Google