terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

Nossa Língua Portuguesa!

Essa eu recebi por e-mail, não sei qual a fonte, mas é muito engraçado:

Se você não é um apreciador das gírias populares por não gostar de parecer demasiado coloquial ao falar, você pode tirar proveito da extensa variação vocabular disponível em nosso vernáculo para ornar seus discursos, substituindo estas expressões por termos mais cultos, agraciando assim seus interlocutores com uma belíssima demonstração de sua erudição. Veja que belos exemplos desta utilização:

1 - Prosopopéia flácida para acalentar bovinos (Conversa mole pra boi dormir)

2 - Colóquio soporífero(ou sonolento) para gado bovino repousar (História pra boi dormir)

3 - Promover a ruptura da fisionomia facial frontal ou simplesmente Romper a face (Quebrar a cara)

4 - Promover uma ação de crédito ao primata ou simplesmente Creditar o primata(Pagar mico)

5 - Inflar o volume da bolsa escrotal (Encher o saco)

6 - Derrubar, com a extremidade podal do membro inferior, a haste sustentáculo da unidade habitacional provisória de um acampamento. (Chutar o pau da barraca)

7 - Deglutir o batráquio (Engolir o sapo)

8 - Precipitar-se em trajetória descendente com intenções letais ou simplesmente Derrubar com intenções mortais(Cair matando)

9 - Reproduzir a contravenção de João, portador de necessidade especial devido à ausência de um dos membros superiores (Dar uma de João sem braço)

10 - Desconsiderar a utilização de uma haste de madeira in natura para determinado fim (Nem a pau)

11 - Sequer considerar a possibilidade da fêmea bovina expelir abruptamente golfadas de ar por contrações laringo-bucais. (Nem que a vaca tussa)

12 - Deliberadamente derramar água pelo chão pelo tombamento de seu receptáculo plástico através de um violento e repentino golpe da extremidade podal do membro inferior. (Chutar o balde)

13 - Abrigar o rebento eqüino da precipitação pluviométrica ou Retirar o filhote de eqüino da perturbação pluviométrica
(Tirar o cavalinho da chuva)

14 - A um bucéfalo ofertado não perscruta-se a formação ortodôntica ou Bucéfalo de oferendas não perquiris formação odôntica! (Cavalo dado não se olha os dentes)

15- Alongar as tíbias (Esticar as canelas)

16- A ruminante bovina deslocou-se para terreno sáfaro e alagadiço (A vaca foi pro brejo)

17- Sugiro veementemente a Vossa Senhoria que procure receber contribuições inusitadas na cavidade reto-terminal! (Vai tomar no cu!)

18- Impulsionar a extremidade do membro inferior contra a região glútea de alguém
(Dar um pé na bunda)

19- Colocar o prolongamento caudal em meio aos membros inferiores
(Meter o rabo entre as pernas)

20- Aplicar a contravenção do Sr. João, deficiente físico de um dos membros superiores
(Dar uma de João sem braço)

21- Sequer considerar a utilização de instrumentos metálicos derivados do ferro
(Nem ferrando)

E por último, a melhor elaborada de todas:

22- O orifício circular corrugado, localizado na parte ínfero-lombar da região glútea centro-pélvica de um indivíduo apresentando quadro de alta concentração alcoólica após a ingestão excessiva de beberagem com teor etílico, deixa de estar em concomitância com os ditames referentes ao direito individual de propriedade. (Cu de bêbado não tem dono)




Continuem visitando Seawolf City, mas se quiserem vê-la prosperar, crie indústrias! Ou então, melhore os meios de Transportes!

Lembrem-se: EU E OS GATOS TEMOS ALGO EM COMUM... SOMOS GATOS!

Um comentário:

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google