sexta-feira, 1 de maio de 2009

Piadas de trabalhador

Hoje é 1º de maio, dia do trabalho. Não há nada para se comemorar, o salário continua baixo e tende a se arrochar cada vez mais. O desemprego está pairando no ar e a crise financeira está sendo usada como desculpa, aliás sempre tem uma, depende do momento. O negócio então é rir um pouquinho com as piadas relacionadas ao trabalho. Divirtam-se!

O funcionário reclama do baixo salário que recebe e resolve reclamar com o patrão:
- Meu salário não está compatível com as minhas aptidões!
- Eu sei, eu sei - responde o chefe. - Mas não podemos deixar você morrer de fome.

O rapaz, excelente funcionário numa lojinha pequena, vai reclamar com o patrão:
- Seu Osvaldo, o senhor me desculpe, mas assim não dá! Somos eu e o Jonas para cuidar da loja, só que eu trabalho que nem um louco e ele fica lendo jornal o dia inteiro e além do mais, ele ganha o dobro do que eu!
- Mas, o Jonas é o meu filho! - protesta o dono da loja.
- Sim... E qual a diferença?
- A diferença é que eu não posso fazer com a sua mãe o que eu faço com a mãe dele!

Em uma entrevista de emprego numa repartição pública, o chefe pergunta:
- O senhor já sofreu algum acidente grave?
— Sim. Quando servia o exército, participei de uma batalha simulada e um tiro atingiu os meus testículos. Tive que extraí-los!
— Santo Deus! — exclamou o entrevistador, sem conseguir disfarçar a piedade.
— Bem, o emprego é seu! Nós chegamos sempre às 8, mas o senhor pode chegar às 10. Tudo bem?
— Mas por que eu vou ter esse privilégio?
— É que, o senhor sabe como é... Repartição pública... O pessoal sempre fica coçando duas horas antes de começar a trabalhar!

O empregado chegou para o patrão e disse:
— Chefe... Nesse mundo só existem duas pessoas a quem eu dou minha vida!
O chefe pergunta:
— Deve ser sua mulher e seu filho, correto?
O empregado responde:
— Não. A primeira pessoa é o senhor...
— Nossa! Muito obrigado... E a segunda?
— Quem o Senhor indicar!

Ao receber sua mísera aposentadoria, o sujeito olhou para as notas sujas e feias e fez uma cara de desconsolado.
O caixa do banco alertou:
— Espero que o senhor não tenha medo de micróbios.
— Micróbios? Tem perigo não, moço... Que micróbio pode sobreviver com um salário desses?

O chefe pega o funcionário com a boca no gargalo de um litro de cachaça.
- Por acaso você não sabe que é proibido beber durante o trabalho?
E o folgado:
- Mas eu não estou trabalhando...

No primeiro dia de maio, no meio da festa do dia do trabalho da empresa, aquele escriturário se encheu de coragem e procurou o patrão, questionando:
- Estou aqui na empresa há 10 anos, fazendo o trabalho de três pessoas. Acho que estou merecendo um aumento.
E o patrão, sem perder a linha e a pose, retrucou:
- Aumento, eu não posso dar... Mas se você me disser quem são os outros dois caras pelos quais você trabalha mando eles embora já e te dou a metade do que eles ganham...




Fonte da imagem



2 comentários:

  1. Muitos fazem festa no dia do trabalho.. esquecem que ele é feito para um momento de reflexão sobre o atual estado do trabalho na nação, infelizmente.

    abs,
    Fabricio

    ResponderExcluir
  2. Fabrício (brohg): Para falar a verdade, com o salário de fome que ganho do Estado, não dá para fazer nenhuma reflexão. Ganho menos que uma empregada doméstica ganha por dia. O negócio é rir senão choro!

    ResponderExcluir

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Related Posts with Thumbnails
Google