domingo, 9 de maio de 2010

Mais uma carta para a minha mãe

Oi mãe, lembra que há dois anos atrás eu tinha escrito uma carta virtual para você? pois é, olha eu aqui outra vez. Só para constar eu ainda continuo sendo a sombra pálida daquilo que você tinha imaginado ao meu respeito.

Ultimamente tenho estado muito mal-humorado com as coisas que acontecem e que estão ao meu redor. Sinto que eu não fui feito para o mundo, e que o mundo não foi feito para mim. Não consigo me encaixar, as coisas dão errado, e só me resta culpar o universo, ou seja, que há uma grande conspiração contra mim.

Tenho um colega, que diz que eu sou adepto ao Cidocentrismo, ou seja, que tudo nesse mundo foi feito para me prejudicar, que o universo gira em torno de mim só para me contrariar. Coincidência ou não, nada para mim dá certo, um culpado preciso arranjar.

Eu te abandonei, cresci revoltado culpando a tudo e a todos, acabei me anti-socializando. Como na música do Raul Seixas, não vou ficar "com a boca escancarada, cheia de dentes, esperando a morte chegar", eu vou é fazê-la acontecer antes que seja tarde. A minha natureza destrutiva só está aguardando o momento certo para isso acontecer.

Espero que me compreenda, mas não tente me entender. Nem eu mesmo me entendo. Quando você menos esperar, estarei ao seu lado.

Um beijo e um abraço de seu filho ingrato e inconseqüênte!

Fonte da imagem: Texto Novo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pessoal, comentem, críticas e elogios serão bem aceitos. E eu respondo, posso demorar mas respondo. Esse velho lobo do mar tarda mas não falha!!!!

Leia antes a minha Política de Comentários.

Se quiser deixar o link de uma postagem sua, utilize o código abaixo trocando o que está escrito em letra maiúscula:

<p><abbr><em><strong>SEU NOME</strong> - último post do blog... <a href="<strong>LINK-DA-POSTAGEM</strong>"><strong>TÍTULO DA POSTAGEM</strong></a></em></abbr><p>

Artigos recentes

Linkem me:

Related Posts with Thumbnails
Google